terça-feira, 26 de maio de 2009

Gazeta Mercantil, um dos ícones do jornalismo econômico do país, deve fechar

O futuro da Gazeta Mercantil é incerto. O jornal sofre pelo não pagamento de dívidas, principalmente trabalhistas. Foi levantada a possibilidade de os funcionários assumirem a publicação. Porém, ela está praticamente descartada devido ao prazo curtíssimo de pagamento das dívidas.

O antigo dono, Luis Fernando Levy, havia prometido para hoje um posicionamento sobre o encerramento das atividades. Entretanto, não se pronunciou. Na redação da Gazeta, o clima de incerteza continua. Os funcionários podem ser realocados em outras publicações da empresa CBM, que controla o jornal há cinco anos. Mas poucos acreditam na possibilidade.

“É muito difícil que todo mundo seja realocado. O pensamento da redação é de que todos estaremos desempregados. Eles também falam dos pagamentos, mas nada que eles afirmam se concretiza, então é difícil acreditar em realocação também”, diz um repórter.

A CBM afirmou que se responsabilizará por todos os pagamentos pelos cinco anos que controlou a Gazeta, mas não disse nada sobre as dívidas anteriores.

É a crise...

Nenhum comentário:

Postar um comentário