quinta-feira, 18 de junho de 2009

Fim do diploma 2: é preciso entender uma diferença

Para começar a discutir a decisão do STF sobre o fim da obrigatoriedade do diploma para exercer a profissão de jornalista é preciso entender algo muito importante para o qual os ministros não se atentaram: a diferença entre informação e conhecimento. Para tratar deste assunto, a propaganda do jornal O Estado de S.Paulo é perfeita. Veja:
video
Na sociedade pós-moderna, nós, jornalistas, não somos responsáveis apenas pela transmissão da informação. Nós somos os disseminadores do conhecimento. Será que os ministros pensam que essa missão é tão simples que pode ser feita por todo mundo?

3 comentários:

  1. Querida, esse vídeo é muito bom. É +qd+. Penso que hoje, com a queda do diploma, imagino que o jornalista formado levará conhecimento, FORMAÇÃO ao leitor e ouvinte, enquanto o não formado só levará INFORMAÇÃO. E essa, como o vídeo mostrou, envelhece, enquanto que o conhecimento fica para sempre.

    ResponderExcluir
  2. Não amiga... Não pensaram em nada disso!
    bjs,
    doug

    ResponderExcluir
  3. Nossa, vídeo surpreendente. Diz tudo que os "senhores" ministros deveriam saber.

    Poderiam ter passado num telão para eles antes da votação.

    Absurdo!

    ResponderExcluir