segunda-feira, 14 de setembro de 2009

11 de setembro para o jornalismo


Quando um cidadão comum filmou os dois aviões atingindo as Torres Gêmeas, o jornalismo cidadão ganhou o destaque que merece.
Os cinegrafistas e fotógrafos chegaram logo depois, mas por mais que se esforçassem entre os entulhos, correndo risco de morte, não tinham em mãos a cena que ainda causará impacto nas futuras gerações.
Junto com as prédios, ruiu a soberania norte-americana. Com aquela filmagem amadora, os cidadãos confirmaram o poder da mídia e como é importante registrar fatos que podem mudar uma sociedade.Desde então, este movimento - o jornalismo cidadão - só tem aumentado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário