terça-feira, 2 de agosto de 2011

A importância de uma personagem

O tema é 'batido': como vivem os moradores de rua. O Globo Repórter já fez matéria, A Liga também, e o Conexão Repórter, idem. Com uma diferença importante: Se Rafinha Bastos (A Liga) conseguiu mostrar lugares onde essas pessoas moram mais inóspitos que os tempos da caverna, Roberto Cabrini descobriu uma personagem que, por si só, diz mais do que a matéria.

Café, à esquerda, no Raça Negra, e agora, na rua
Trata-se de Café, percusionista do grupo Raça Negra, que tanto sucesso fez na década de 1990 por todo o país. Depois de um aneurisma e da separação da esposa, Café passou a viver na rua, onde mora até hoje, sem o apoio dos oito filhos, somente com a caridade alheia. História de chorar.
Assista: http://www.sbt.com.br/conexaoreporter/videos/

Nenhum comentário:

Postar um comentário