sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Abertas as inscrições para o VI Concurso Tim Lopes de Jornalismo Investigativo Investigativo

Estão abertas as inscrições para o VI Concurso Tim Lopes de Jornalismo Investigativo. Até a meia noite do dia 15 de fevereiro de 2012, o site www.andi.org.br/timlopes receberá os registros dos projetos que concorrerão ao prêmio. Podem se inscrever repórteres, editores e chefes de reportagem de diferentes tipos de veículos (impresso, rádio, televisão, web e veículos comunitários ou alternativos), além de estudantes e professores de cursos de comunicação. O concurso tem como tema fixo “Imprensa e sociedade aliadas no enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes”, além de estimular reportagens na categoria especial "Exploração sexual de crianças e adolescentes no setor turístico brasileiro”, aberta a candidatos de todas as mídias.

O Concurso Tim Lopes de Jornalismo Investigativo é uma iniciativa que tem como objetivo fortalecer a mobilização social para dois problemas que afetam milhares de crianças e adolescentes do país: o abuso e a exploração sexual. A premiação chega à sexta edição estimulando a imprensa a contribuir para ampliar e qualificar a cobertura sobre esse tipo de violência, com ênfase na discussão das políticas públicas para a prevenção e o atendimento dos meninos e meninas vítimas desta grave violação de direitos.

Diferentemente da maioria dos prêmios jornalísticos – voltados, geralmente, para o reconhecimento de matérias já veiculadas –, o Concurso Tim Lopes seleciona as melhores propostas de reportagem, oferecendo aos vencedores apoio técnico e financeiro para a execução do trabalho, além de um prêmio em dinheiro para o jornalista responsável.

Leia mais:
http://www.anj.org.br/jornaleeducacao/abertas-as-inscricoes-para-o-vi-concurso-tim-lopes-de-jornalismo-investigativo-investigativo





Prêmio de Excelência Jornalística 2012

A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) abre as inscrições para o Prêmio de Excelência Jornalística 2012, concurso anual que reúne o melhor do jornalismo das Américas, focado nos direitos humanos e na liberdade de imprensa. A premiação é destinada às agências de notícias e jornalistas que produziram reportagens sobre direitos humanos e outras 11 outras categorias.

O júri irá avaliar os trabalhos e escolher dez finalistas em cada uma das 12 categorias. Os vencedores serão premiados com certificados e prêmios em dinheiro durante a Assembleia Geral da SIP, a ser realizada no dia 12 de outubro de 2012, em São Paulo. As categorias são as seguintes: relações interamericanas, direitos humanos, cobertura noticiosa, características, relatórios em profundidade, fotografia, charges, infográficos, opinião, jornal na educação, cobertura noticiosa on-line e cobertura multimídia.

Leia mais:

http://www.anj.org.br/sala-de-imprensa/noticias/sip-busca-candidatos-para-o-premio-de-excelencia-em-jornalismo-2012



terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Muito interessante: Pesquisa mapeia publicidade e cotidiano feminino dos anos 1920


O assunto é propaganda, mas também comunicação. Do meu ponto de vista, daria uma entrevista interessantíssima com a pesquisadora. O que acham?

Se a publicidade paulista dos anos 1920 divulgava um ideal de mulher urbana materna, afetiva, zelosa pelo bem-estar alheio e da família, não era isso que mostravam as trabalhadoras pobres. É o que revela uma tese de doutorado defendida na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP, que analisou o cotidiano vivido por essas mulheres e como se dava sua presença no espaço público. O estudo, de autoria da historiadora Xenia Miranda Salvetti, também analisou como essa mulheres se apercebiam da moda e da publicidade.